Oferta dos portes de envio em compras iguais ou superiores a 35€!*

Óleo alimentar em detergentes, porque não?

"Ao comprar um detergente feito a partir de óleo alimentar usado (OAU) estou a limpar a casa com óleo alimentar?"

Muitas vezes é difícil para as pessoas aceitarem que o óleo alimentar usado é a origem dos nossos detergentes.

Decidimos, então, dar-vos a conhecer o que acontece ao OAU na EcoX.

Cientificamente, a transformação do OAU não é mais do que tornar a gordura (triglicerídeo) em glicerol e ácidos gordos. O glicerol tem um poder humectante, hidrata a pele, e os ácidos gordos são aquilo que procuramos para fazer os detergentes.

Assim, inicialmente, o que precisamos de fazer é esta transformação e para isso a EcoX usa uma proteína que quebra as ligações químicas do OAU. É neste momento que o OAU deixa de existir e passam a existir apenas glicerol e ácidos gordos.

Desta transformação o nosso produto alvo é o ácido gordo que na presença de uma base se transforma num tensioativo. Estes tensioativos naturais são os compostos responsáveis pelo poder de limpeza, que permitem a formulação dos detergentes EcoX!

Afinal, não estamos a limpar a casa com óleo alimentar!